Subscreva Newsletter
UNITAANGOLA
Comunicados
Data Ocasião Autor
21/02/2019 Comunicado do Comité Permanente da Comissão Política GAB PR
17/12/2018 Comunicado Final da IV Reunião Ordinária da Comissão Política da UNITA Comissão Política
17/11/2018 Comunicado do Comité Permanente da Comissão Política da UNITA GAB PR
25/07/2018 Comunicado final sobre o Seminário de Capacitação relativo às Autarquias Locais

Comité Permanente
25/07/2018 COMUNICADO da VII Reunião Ordinária do Comité Permanente da UNITA
Comité Permanente
13/03/2018 Declaração alusiva ao 52º aniversário da fundação da UNITA UNITA
17/06/2015 Comunicado sobre a visita de JES à China e Emirados Àrabes unidos Presidente Samakuva
16/05/2015 Comunicado da 10ª Reunião Ordinária do Comité Permanente da Comissão Política
Comité Permanente
03/05/2015 Comunicado sobre o genocídio do Monte Sumi Secretariado Executivo
03/05/2015 Comunicado do Secretariado Provincial do Huambo sobre o caso Kalupeteka Sec Prov Huambo
03/05/2015 Declaração sobre o dia Internacional do Trabalhador Comité Permanente
03/05/2015 Comunicado sobre o Dia Internacional da Liberdade de Imprensa Comité Permanente
Todas notícias
Opiniões
UNITA um alvo à abater, revelou Fernando Vumby
Antes de me alongar gostaria de dizer o seguinte: Eu quando escrevo defendendo a UNITA como o tenho feito com muita garra e suor. O faço acima de tudo os olhando como tão angolanos como quais outros também vítimas das intenções criminosas das investidas do partido no poder e nada mais.
********************
Caso repressão: O diálogo político franco e cooperativo - Ramiro Aleixo
Se é mesmo verdade que o Presidente da República recebeu Isaías Samakuva para abordar questões relacionadas com a participação da UNITA na manifestação ou na preparação dela, pelas declarações deste à saída da audiência, ficou claro que, também para essa figura, apesar do cuidado que teve em usar palavras diplomáticas, o problema não está na segunda força política de oposição que presidiu, nem nos manifestantes. Está na actuação do Governo, cujo Chefe foi quem recebeu Samakuva.
********************
Mfuca Muzemba defende a exoneração de toda liderança da Polícia Nacional
O político e ex-deputado pela bancada parlamentar da UNITA, Mfuca Muzemba, defendeu, neste domingo, 06 de Setembro de 2020, a necessidade de se reformar a Polícia Nacional, considerando ser urgente responsabilizar as mais altas patentes daquele órgão, como forma de exemplo disciplinar, em virtude dos sucessivos excessos de zelo que têm sido cometidos pelos agentes da farda-azul.
********************
Rafael Marques considera “distração evitável e corrigível” nomeação da Filha do PR Angolano
O jornalista e ativista cívico angolano Rafael Marques considerou hoje a nomeação da filha do Presidente angolano para um cargo público como “uma distração evitável e corrigível”, referindo que o processo, que não considerou nepotismo, “é desaconselhável”.
********************
Entrevistas
“O MPLA está a cometer grande erro”, diz Kamalata Numa
O General na reforma Abílio Kamalata Numa que reagia à denúncia feita no dia 2 de Outubro, no “Nova Jornal”, durante uma entrevista no Programa da Rádio Despertar, “A Hora das Perguntas”, qualificou de doentio o plano do MPLA de combater até à exaustão o Presidente da UNITA, Adalberto Costa Júnior.
********************
Combate à corrupção não è Universal (II)
O líder da UNITA considera que a luta contra a corrupção em Angola é enfraquecida pelo facto de não ser universal.
********************
UNITA diz sim à frente contra MPLA (I)
Em extensa entrevista ao Correio Angolense, o líder do Galo Negro Eng. Adalberto Costa Júnior, advertiu na edição desta quinta-feira, 02 de Setembro de 2020, no entanto, para armadilhas do regime, que sempre “tratou de comprar consciências, pagando bem a algumas lideranças partidárias e a alguns protagonistas da sociedade civil”
********************
"O MPLA é um dos principais beneficiários dos desvios e fraudes mas ainda não foi constituído arguido"
O MPLA está sempre na mira de Isaías Samakuva, como se verá nesta 2ª parte da entrevista ao Novo Jornal, onde, desde logo, diz que João Lourenço é apenas um executor das decisões do "partido-estado". Fonte: NJ
********************
Facebook Youtube Twitter Contacto
Todos os direitos reservados
Secretariado da comunicacão e Marketing da UNITA
União Nacional para Indepedência Total de Angola
©  Copyright 2002-2013
Domingo, 01 de Novembro de 2020