UNITAANGOLA
Fonte : KUP
Descobertos mais de 700 novos casos de Tuberculose no Bié
TB_Angola Toberculose.jpg
Setecentos e setenta e cinco novos casos de tuberculose foram notificados na província do Bié, pelas autoridades sanitárias locais, durante os meses de Setembro a Outubro do ano em curso.

Segundo à Angop, o chefe de saúde pública e controlo de endemias em exercício, Paulo Chipalavela, sublinhou que dos casos 303 apresentaram tuberculose extra-pulmonar.

Comparativamente ao mesmo período anterior, a província registou-se um aumento de 151 novos casos, situação que continua a preocupar as autoridades sanitárias, pelo facto do tratamento carecer de muitos recursos financeiros.

Paulo Chipalavela frisou que, na mesma época, as autoridades sanitárias registaram a morte seis doentes, contra 33 do período anterior.

Na mesma fase, foram recuperados 76 doentes, 67 abandonaram o tratamento, 12 tiveram recaídas, quatro fracassos, 14 reaparecidos e cinco outros transferidos para outras unidades sanitárias.

São causas do abandono do tratamento da doença as longas distâncias que os pacientes percorrem entre as aldeias e a sedes municipais, uso excessivo de bebidas alcoólicas, associado à falta de acompanhamento por parte das famílias e a ignorância das normas de prevenção da doença no seio das comunidades.

Dos municípios que mais casos notificaram, consta o Cuito, com 368 casos, Camacupa (153) e Andulo (104).

Com vista a diminuir o problema, o sector da saúde em parceria com as autoridades tradicionais e igrejas sensibilizam a população sobre os perigos e as formas de prevenção da enfermidade.

Entretanto, asseverou haver em todas as unidades hospitalares da província medicamentos para acudir os enfermos com a tuberculose, apelando os cidadãos a dirigirem-se à unidade sanitária mais próxima em caso de apresentar sinais e sintomas da patologia.
www.unitaangola.org
C:\Mes Sites\Unitaangola29122013\UNITAANGO_WEB\coqUNITA.jpg
Opiniões
 Publicidade
Obra de Isaías Samakuva
Entrevistas
Facebook Youtube Twitter Contacto
Subscreva Newsletter
Todos os direitos reservados
Secretariado da comunicacão e Marketing da UNITA
União Nacional para Indepedência Total de Angola
©  Copyright 2002-2013
Segunda-feira, 25 de mars de 2019