UNITAANGOLA
Fonte : KUP
Oficiais dos Serviços Militares de Investigação Criminal (CIMC) Detidos
SIC-Huila (1).jpg
Na Província da Huíla, em Lubango, dois oficiais dos Serviços Militares de Investigação Criminal foram detidos na quinta-feira, 23 de Maio de 2019, por alegado envolvimento no desvio de cerca de 20 viaturas, noticiou a Voz da América no seu espaço de informação “Fora d’ hora”.

A confirmação foi feita esta segunda-feira, pelo porta-voz dos Serviços de Investigação Criminal, Sebastião Vika, que diz que, “Eles são acusados de integrarem uma quadrilha que nos últimos anos dedicava ao desvio e venda de viaturas, que chegavam ao Lubango, de vários pontos do país, mas que desapareciam no parque de estacionamento da polícia”.

Sebastião Vika confirmou a prisão, mas com o processo estar em segredo de justiça, e limitou-se a acrescentar que, as investigações continuam a procura de conhecer a extensão das actividades daquela quadrilha.

De acordo com o site de notícia TV Livre, a par dos agentes do CIMC, está também um oficial das.

O sítio que cita a Angop, noticia que, “Os acusados são suspeitos de venda ilegal de 20 viaturas apreendidas, no período de 2011 a 2014, altura em que o intendente chefiava o departamento de património, incluindo roubos e furtos de viaturas do SIC na província”.
www.unitaangola.org
C:\Mes Sites\Unitaangola29122013\UNITAANGO_WEB\coqUNITA.jpg
Opiniões
 Publicidade
Obra de Isaías Samakuva
Entrevistas
Facebook Youtube Twitter Contacto
Subscreva Newsletter
Todos os direitos reservados
Secretariado da comunicacão e Marketing da UNITA
União Nacional para Indepedência Total de Angola
©  Copyright 2002-2013
Quinta-feira, 20 de Junho de 2019