UNITA - ANGOLA
Fonte :
UNITAANGOLA
Presidente da UNITA lamenta morte do cantor Teta Lágrimas
Teta Lagrimas (1) Musico.jpg
O presidente do maior partido na oposição em Angola (UNITA), Adalberto Costa júnior, lamentou a morte do cantor e compositor Abel Lágrimas da Conceição Santos Teta, mas conhecido por Teta Lágrimas, falecido nesta terça-feira,24 de Novembro de 2020, aos 64 anos, vítima de morte súbita.

“Foi com surpresa que tomei conhecimento da morte do músico, Abel Lágrimas da Conceição Santos Teta”, lê-se numa mensagem assinada por Adalberto Costa Júnior e partilhada pelo seu Site oficial.

Acrescenta que, neste momento de tristeza, junto-me à “família enlutada à qual exprimo, em nome dos militantes, simpatizantes e amigos da UNITA e no meu próprio, os nossos mais sentidos pêsames”.

O músico e compositor Teta Lágrimas morreu, nesta terça-feira, 24, em Luanda, na sua residência Quinta Teta, no Patriota, município de Belas, confirmou ao Jornal de Angola, a sobrinha do cantor, Fineza Teta, segundo a mesma foi morte súbita.

Segundo a sobrinha deu a conhecer que o músico não estava doente, não se queixou de nada, acrescentando que o autor de “Amizade Colorida” dormiu e já não acordou.

De acordo com Fineza Teta, a causa da morte de Teta Lágrimas está para se apurar. “Neste momento, estamos à espera do resultado da autópsia para sabermos a verdadeira causa da sua morte, disse.

A artista plástica revelou que Teta Lágrimas estava a trabalhar na produção do seu novo CD.

Abel Lágrimas da Conceição Santos Teta tem no seu repertório várias obras discográficas, com destaque para “Mãe de todos nós, “Coisa da Vida, “Dilema, “Luanda já foste linda, “Renascente Esperança”, “Genuinamente, “Letra Chorada, “Lágrimas do Coração”, “Amizade Colorida” e o DVD “Letra Chorada”.
www.unitaangola.org
C:\Mes Sites\Unitaangola29122013\UNITAANGO_WEB\coqUNITA.jpg
 Publicidade
Obra de Isaías Samakuva
Ex-Presidente da UNITA (2003-2019)
Todos os direitos reservados
Secretariado da comunicacão e Marketing da UNITA
União Nacional para Indepedência Total de Angola
©  Copyright 2002-2020
Terça-feira, 01 de Dezembro de 2020